Ifan aborda a importância do “cuidar” em palestra para agentes do PADIN (CE)

Ifan aborda a importância do “cuidar” em palestra para agentes do PADIN (CE)

A manhã desta sexta-feira (17) foi de muito aprendizado e reflexão para supervisores e Agentes de Desenvolvimento Infantil (ADIs) do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Infantil do Governo do Estado do Ceará (PADIN), articuladores Mais Infância e técnicos de Coordenadorias Regionais de Desenvolvimento da Educação (CREDEs) de 24 municípios cearenses. Os mais de 190 profissionais assistiram à palestra “Cuidar de quem cuida: o socioemocional na ação cotidiana do PADIN”, apresentada pela superintendente executiva do Ifan, Luzia Laffite.

O momento integrou o último dia de programação do segundo ciclo dos Encontros Temáticos 2021, uma realização da Secretaria da Educação do Estado do Ceará (Seduc) por meio da Secretaria Executiva de Cooperação com os Municípios, no âmbito da Coordenadoria de Educação e Promoção Social (Coeps) e da Coordenadoria de Cooperação com os Municípios para a Aprendizagem na Idade Certa (Copem).

A palestra foi mediada por Régis Brito, assessor técnico na função de Gerente Estadual do PADIN. Em sua fala, Luzia convidou o público a refletir sobre o significado de “cuidar”. O trabalho dos ADIs na realização de visitas aos lares cearenses implica o relacionamento direto com as famílias e justifica, portanto, a necessidade destes profissionais olharem com atenção para os cuidadores das crianças acompanhadas pelo Programa.

Luzia Laffite em apresentação para o grupo de supervisores e ADIs do PADIN (CE).

Segundo a superintendente do Ifan, nessa interação, os agentes precisam observar três dimensões do “cuidar”: o auto-cuidado, o cuidar do outro e o deixar-se ser cuidado. “O ADI precisa se cuidar, para poder cuidar do cuidador, e o cuidador precisa se deixar ser cuidado. Se o cuidador ou a cuidadora não possuem uma relação de confiança com os ADIs, provavelmente não vão se deixar cuidar por eles”, argumentou.

Na ocasião, os agentes fizeram relatos de situações desafiadoras e de vulnerabilidade experimentadas no exercício de acompanhamento das famílias do PADIN. Os exemplos foram comentados pela palestrante e por Régis Brito, que compartilhou: “Muitas vezes, é mais importante que a gente olhe e escute o que está acontecendo, observe o que aquela família está passando. Desenvolver o nosso olhar e o nosso ouvir pode, em certos casos, ajudar até mais do que o nosso falar”.

A palestra foi mediada por Régis Brito, assessor técnico na função de Gerente Estadual do PADIN.

A palestra foi encerrada com muitos elogios ao conteúdo apresentado e agradecimentos do público, do mediador e da palestrante pela rica oportunidade. “Acredito que cada um de nós sai hoje com um olhar diferente, para as famílias, para nós mesmos”, expressou Izabel Costa dos Santos, supervisora do PADIN no município de Salitre (CE).

Arte feita pela COEPS/Seduc em agradecimento à participação de Luzia no Encontro temático 2021.2.

Metodologia “Cuidando do Cuidador” (CFC) 

Em sua apresentação, Luzia compartilhou informações sobre a metodologia “Cuidando do Cuidador” (Caring for the Caregiver, no original em inglês). O método foi criado por instituições internacionais e apoiado pelo fundo Unicef (Região da África Ocidental e Central – WCARO) e Fundação LEGO com a finalidade de treinar cuidadores e cuidadoras para fornecer cuidados responsivos e estimulação precoce a fim de melhorar o desenvolvimento infantil. Atualmente, a metodologia está sendo testada em 25 municípios do Ceará pela atuação do Instituto da Infância em parceria com o Programa Mais Infância Ceará/PADIN e apoio do Unicef. 

Segundo a superintendente, o objetivo do Projeto Cuidando do Cuidador é fortalecer e instrumentalizar melhor a relação dos ADIs com as famílias do PADIN. “Nós estamos falando de atitudes de cuidado. Pretendemos formar melhor os agentes para o cuidado com os cuidadores, que, geralmente, são as mães das crianças. Dentro da proposta, um dos suportes que eles podem oferecer, por exemplo, é auxiliá-las a lidar com o estresse cotidiano”, explicou.

 

 

Av. Santos Dumont, 1789, Sala 607 – Aldeota, CEP 60150-160, Fortaleza – Ceará – Brasil

   ifanadm@ifan.com.br

    +55 (85) 3268-3979

   +55 (85) 3268-3979